República de Curitiba

Início » Uncategorized » Janot arquiva denúncias contra Renan. Ah, se Dallagnol não faz um estardalhaço – Editorial

Janot arquiva denúncias contra Renan. Ah, se Dallagnol não faz um estardalhaço – Editorial

foto-elisa-x

 

17.09.2016

Imagine se o  nosso notável Procurador da República, Deltan Dallagnol, estivesse trabalhando com sua equipe arduamente, como temos acompanhado, porém na mais absoluta discrição? Imagine se Dallagnol decide não chamar a imprensa, não expor para opinião pública todos os detalhes da sua investigação, não nos dar uma aula sobre porquê Lula é, sim, “o comandante máximo do esquema de corrupção identificado na Lava Jato”?

Em março deste ano, o juiz Sérgio Moro fez paralelos entre as operações Lava Jato e Mãos Limpas, que investigou o sistema de corrupção da Itália da década de 90, e convocou setores da sociedade a se engajar no combate à corrupção.

“A Justiça tem um papel nesses processos relativo à corrupção, mas ela, sozinha, não resolve. É preciso que as outras instituições operem. A sociedade civil precisa se mobilizar para cobrar, as empresas privadas precisam se auto-organizar para evitar pagamentos de corrupção”, disse Moro, que afirmou ser esse o motivo por ter aceitado fazer algumas palestras em empresas.

Assim como fez Dallagnol, e seus inimigos quase entraram em colapso, o  juiz deu o recado de que é necessário contar com o apoio da opinião pública para que a operação não pare.

Um dos exemplos mais recentes de paralização foi o pedido de arquivamento feito pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, ao Supremo Tribunal Federal, de uma investigação sobre Renan Calheiros (PMDB-AL), que integra um dos nove inquéritos dos quais o peemedebista é alvo na Operação Lava Jato.

Nesse caso, Calheiros era investigado junto com o deputado Aníbal Gomes (PMDB-CE), por supostamente ter sido beneficiado de acordo entre a Petrobras e sindicato de profissionais que conduzem os navios em portos. As investigações da Polícia Federal apontam que um ex-assessor do deputado recebeu R$ 3 milhões em sua conta em setembro de 2008, oriundos de um acordo entre a Petrobras e o sindicato. A suspeita no negócio surgiu na delação premiada do ex-diretor de Abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa, que disse que Gomes era o representante de Renan Calheiros nas negociações.

Rapidamente, Janot pediu para arquivar as investigações contra Calheiros por sua participação em crimes de corrupção e lavagem de dinheiro. Curiosamente, Aníbal Gomes foi denunciado pelos mesmos delitos.

Mais uma vez, conclui-se que Dallagnol fez tudo certo. Explicou didaticamente, falou com clareza, destacou o principal e mostrou o papel central de Lula no maior esquema de corrupção já descoberto no país.

Assim, como há mais de 20 anos a operação Mãos Limpas pôs de cabeça para baixo a política italiana, a Lava Jato está sacudindo o Brasil, com direito à estardalhaço, sim. Veja o que aconteceu na Itália.

Os dois partidos mais envolvidos no esquema de corrupção italiano, o Socialista e a Democracia Cristã, desapareceram da cena política. A Operação Mãos Limpas durou dois anos, de 1992 a 1994 e levou a 1,3 mil condenações.

Infelizmente, com o enfraquecimento do apoio da opinião pública,  os magistrados pagaram um preço alto. Antonio Di Pietro e a sua equipe foram alvos de difamação e afastados. Hoje, Di Pietro é reconhecido por ter criado técnicas de investigação e muitas expressões que agora estão nos livros jurídicos.

Não muito tempo depois, quando Silvio Berlusconi virou o primeiro-ministro, ele criou leis que enfraqueceram o judiciário e a corrupção voltou a crescer na Itália. Berlusconi se apoiou na política para se defender das Mãos Limpas.

Apesar de tudo, a corrupção generalizada que existia antes no país foi combatida pela  operação de Di Pietro.

Sabendo disso, vamos acreditar que os brasileiros poderão fazer melhor e proteger os seus bravos combatentes da Operação Lava Jato. E, se depender da República de Curitiba, vamos fazer barulho e defender os nosso guerreiros em alto e bom som.

Elisa Robson é jornalista e administradora da República de Curitiba.

Anúncios

10 Comentários

  1. SolAngel disse:

    Quaisquer ameaças vindas de legisladores maus intencionados deve ser amplamente divulgada! Vamos vigiar, vigiar e vigiar nossos deputados e senadores, as leis que criam! Graças a Deus, existe as redes sociais diferentemente na época das operação mãos limpas na Itália!

    Curtir

  2. E verdade…tem um meu amigo grego armador que, ha varios anos atras, me contou o quanto os diretores da Petrobras e do BNDS pediam em propinas! E du os defendendo, dizendo que eram entidades onde nao existia corrupcao! Que ingenua que fiu…ha dois anos atras tive de pedir desculpas…e pior, fiquei sabendo que varios armadores gregos pegaram emprestimos para costruir navios de transporte das zonas de extracao ate as plataformas, no BNDS e dersm o maior calote…e ai? Quem vai pagar a conta?

    Curtir

  3. Jailton disse:

    Se fosse contra lula ele já tinha mandado prender,esse babaca

    Curtir

  4. Valter Garcia disse:

    Quer dizer que, o sujeito engaveta um dos NOVE processos contra o RENAN e vai ficar por isso mesmo ,? A Lava Jato serve para que então ? Indicar os Bandidos de gravatas para que os de TOGAS os protejam ,??

    Curtir

  5. Não sei, não. Mas não escapa um lá no Governo federal e no STF. Se eles puderem acabar com a Lava Jato é o que eles vão fazer. Dá pena de tanto trabalho ser bloqueado pelos corruptos do Governo.

    Curtir

  6. PAULO BERTAZZI disse:

    Vivas a República de Curitiba

    Curtir

  7. PAULO BERTAZZI disse:

    Vivas à República de Curitiba.
    Vida longa!!!

    Curtir

  8. Éder Moreira disse:

    Intervenção militar, já. Uma corte militar e prisão para todos corruPTos, principalmente ministros.

    Curtir

  9. Maria loures disse:

    Quando a justiça não é seletiva, o julgamento é feito sem banalizar como tem acontecido. Como pode essa mídia ainda apoiae esse circo.

    Curtir

  10. Weliton De Jesus disse:

    Kkkkkkkkkkk, piada.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: