República de Curitiba

Início » Uncategorized » Povo “golpista” varre o PT do mapa – Editorial

Povo “golpista” varre o PT do mapa – Editorial

foto-elisa-x

 

Não foi apenas na maior cidade do país, São Paulo, que o PT  saiu duramente derrotado. Até o momento, petistas se elegeram para prefeitura de apenas 235 dos 5.470 municípios. O partido de Lula recebeu um importante recado do povo brasileiro, depois de apenas 33 dias de a ex-presidente Dilma Rousseff ter sido considerada culpada, em julgamento por crime de responsabilidade no Senado, e sofrido o impeachment. Apesar disso, militantes petistas classificaram o processo  como “golpe”, mesmo tendo sido realizado rigorosamente dentro das leis do país.

Além disso, a crise econômica e do desemprego alto também foram preponderantes nessas eleições. Mas outro ingrediente foi fundamental: a Operação Lava-Jato.

Foram anos de escândalos do PT sem punição, até a Lava Jato surgir no cenário nacional. Um dos exemplos mais notórios foi o caso do Mensalão.  Em 2005, o esquema de compra de votos comandado pelo governo do PT foi revelado e colocou Lula contra a parede. Deputados eram pagos com dinheiro público, desviado com a ajuda do ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares e do operador Marcos Valério. O esquema, revelado por Roberto Jefferson, era chefiado, segundo ministros do STF, por José Dirceu. O ex-presidente Lula sobreviveu à CPI do mensalão, não foi acusado pelo Ministério Público e não pôde ser incluído no processo do Supremo Tribunal Federal.O mais intrigante é como o ex-­presidente Lula se livrou da responsabilidade no caso, se era, em última instância, o principal beneficiário dos votos comprados no plenário da Câmara.

Mas, hoje, o Mensalão ocupa um papel secundário no panteão dos escândalos nacionais. Foi superado, em cifras e ousadia, pelo Petrolão, o esquema bilionário de corrupção da Petrobrás. A estimativa é que o Petrolão seja equivalente a 33 Mensalões.

O caso ocorreu durante os governos de Lula e Dilma, envolvendo cobrança de propina das empreiteiras, lavagem de dinheiro, evasão de divisas e superfaturamentos de obras contratadas para abastecer os cofres de partidos, funcionários  da estatal e políticos. Provavelmente, depois de 13 anos, os criminosos continuariam seu curso normal, se não fosse por uma investigação da Polícia Federal realizada por meio de uma operação denominada “Lava Jato”.

A operação Lava Jato tornou-se a maior investigação de corrupção e lavagem de dinheiro que o Brasil já teve.  Ela  foi desenvolvida a partir de março de 2014, perante a Justiça Federal em Curitiba,  que investigou e processou quatro organizações criminosas lideradas por doleiros, que são operadores do mercado paralelo de câmbio. Depois, o Ministério Público Federal recolheu provas de um inimaginável  esquema criminoso de corrupção da maior estatal brasileira.

O juiz Sérgio Moro comanda, desde então, o julgamento em primeira instância dos crimes identificados na Operação Lava Jato. Em uma atuação incomum para o padrão da Justiça do país, Moro conduz os processos em ritmo acelerado e impõem penas pesadas aos condenados.

Certamente, não há nada de “golpe” no resultado das eleições municipais de 2016.  O resultado desastroso do PT tem muitos motivos para ter sido da forma como foi.

 

Elisa Robson é jornalista e administradora da página República de Curitiba.

3 de outubro de 2016.

Anúncios

1 Comentário

  1. Zenólia Guimarães disse:

    Parabéns pra equipe de Sérgio Moro,na operação Lava jato, que continue fazendo devolver todo dinheiro roubado da nação…Não foi à toa que Calixto Guimarães cifrou a música expressiva sobre a desocupação das Terras da Suía/ Missú/MT.😢 Destruindo sem piedade a vila de Estrela do Araguaia,antigo Posto da Mata,na BR 158…Logo seguida executaram ele após lançar seu livro: “Desordem e Retrocesso na Guerra do Indiginato” de Kalixto Guimarães???A família,parentes e amigos clamam por justica…

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: