Moro volta a defender as 10 Medidas Contra Corrupção. “Elas têm um valor intrínseco”

Posted by

moro-10-medidas-2

 

O juiz Sergio Moro, responsável pelo julgamento dos processos no âmbito da Operação Lava Jato, defendeu nesta terça-feira (4), em São Paulo, o projeto das 10 Medidas Contra a Corrupção, de iniciativa do Ministério Público Federal e com apoio popular. Para ele, o projeto é essencial. “O Legislativo pode não aceitar uma ou outra, mas elas têm um valor intrínseco”, opinou.

Para Moro, a corrupção continuará em toda a parte, mas sua redução a níveis menos relevantes dependeria de uma ação conjunta de todas as instituições brasileiras, com o apoio da sociedade civil.

“Corrupção sistêmica é inconsistente com democracia”, resumiu, dizendo que temos hoje uma “democracia degenerada”.

O juiz lembrou também da Operação Mãos Limpas, nos anos de 1990, cujos resultados práticos têm sido contestados hoje, porque não teria reduzido a corrupção na Itália, e defendeu-a.

Ele citou, fazendo um paralelo com a situação brasileira, que houve uma movimentação de parlamentares à época para criar manobras de modo a salvar esquemas e evitar condenações.

Próximas ações

O procurador Deltan Dallagnol, que lidera o projeto no Ministério Público, convida toda a sociedade a se engajar na luta pela aprovação das 10 Medidas. Em sua página no facebook, ele dá o recado:

“Você que também luta pela aprovação das #10Medidas, anote na agenda: 10 de outubro é dia de mobilização nacional contra a corrupção!

Você pode participar em grupo ou individualmente. Faça uma foto sua com as mãos representando o número 10 e publique no Instagram com a hashtag #LutePelas10Medidas. Mostre seu apoio às #10Medidas e prepare-se para o grande dia!

Não se esqueça de confirmar presença no evento Dia 10/10, lute pelas 10 Medidas!

Clique neste link e saiba mais:https://www.facebook.com/events/721057451367131/

 

 

Foto: André Dusek/Estadão

Advertisements
Anúncios

2 comments

Deixe uma resposta