Segundo a Veja, Crivella agora é uma vítima da sociedade e a esquerda pode votar nele

 

screenshot_2016-10-22-10-02-50

O candidato do PRB à Prefeitura do Rio, senador Marcelo Crivella, rebateu nesta sexta-feira (21) a edição deste fim de semana da revista Veja, cuja capa vem causando polêmica nas redes sociais. A publicação semanal, que chega às bancas neste sábado (22), estampa na capa uma foto de Crivella fichado na polícia.

Crivella publicou em sua página no Facebook a sua versão para a sua foto. Ele reforça que nunca foi preso.

“Vou esclarecer: nunca fui preso. O que ocorreu é que 26 anos atrás, como engenheiro, eu fui chamado para fazer a inspeção da estrutura de um muro que tinha o risco de cair e machucar as pessoas. O terreno era da Igreja Universal mas estava invadido. Os invasores não deixaram eu entrar. Deu uma confusão danada, foi todo mundo para a delegacia. Lá, o delegado resolveu identificar a todos. Por isso, essa foto que você viu na capa”, relata Crivella.

Segundo a Veja, Crivella agora é uma vítima da sociedade e a esquerda pode votar nele.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s