República de Curitiba

Início » Uncategorized » Nordestinos rejeitam candidatos de Renan e Sarney

Nordestinos rejeitam candidatos de Renan e Sarney

Estatísticas do blog

  • 1,653,249 cliques
outubro 2016
S T Q Q S S D
« set   nov »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Facebook da Republica de Curitiba

renan-e-sarney

O ex-presidente José Sarney (PMDB) e o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB), dois importantes caciques políticos nordestinos, saem derrotados, respectivamente, das eleições em São Luís e Maceió.

Na capital do Maranhão, o prefeito reeleito, Edivaldo Holanda Júnior (PDT) é adversário histórico da família Sarney. Já seu adversário Eduardo Braide (PMN) se recusou a receber apoio da família Sarney, hoje rejeitada por parte da população de São Luís.

“Ninguém queria a família Sarney. O PMDB e a família Sarney apoiaram a candidatura do Eduardo Braide. Foi uma consolidação da vitória do [governador Flávio] Dino, com o governo do Estado e a prefeitura da capital contra a família Sarney. Pela primeira vez, você tem a consolidação de uma força antifamília Sarney”, observou o cientista político Vanuccio Pimentel.

Dois anos após perder o governo do Maranhão para Flávio Dino (PC do B), o grupo político do ex-presidente chegou às eleições municipais dividido entre os quatro principais candidatos à Prefeitura de São Luís. Sem um nome competitivo para disputar as eleições na capital, o grupo do ex-presidente viu o PMDB lançar a candidatura do vereador Fábio Câmara à revelia de caciques do partido, como a ex-governadora Roseana Sarney e o senador Edison Lobão. O candidato não chegou ao segundo turno.

Alagoas

Já na capital alagoana, o tucano Rui Palmeira derrotou o deputado federal Cícero Almeida (PMDB), seu antecessor no cargo e candidato apoiado pelo filho do presidente do Senado, Renan Calheiros, o governador de Alagoas, Renan Filho.

“Renan Filho provavelmente vai ter um adversário forte no futuro. O Rui [Palmeira] já teve uma primeira vitória com votação expressiva e derrotou o Cícero Almeida que foi um prefeito muito bem avaliado, prefeito por duas vezes de Maceió. Há um projeto de renovação política com dois novos líderes políticos bastante jovens: Renan Filho e Rui Palmeira”, afirma Pimentel.

Para o jornalista Jamildo Melo, uma possível candidatura de Rui Palmeira ao governo pode atrapalhar os planos de Renan. “Possivelmente Rui Palmeira pode sair candidato ao governo do Estado e trombar com o Renan Filho. O Renan [pai] também tem os problemas com a Lava Jato e pode chegar muito fragilizado em 2018.”

Nos debates, o prefeito Rui Palmeira sempre centrou fogo no senador Renan Calheiros, o qual chamava de “campeão de inquéritos na Lava Jato.”

Investigado em nove inquéritos no STF ligados à operação Lava Jato e envolvido em polêmicas com o Poder Judiciário, Renan também deve enfrentar dificuldades para manter seu mandato no Senado em 2018, pois perdeu importantes aliados durante a campanha municipal, a exemplo do ex-governador Ronaldo Lessa (PDT).

 

Fonte: Uol. Recomendamos a visita na página: http://eleicoes.uol.com.br/2016/noticias/2016/10/31/eleicoes-no-nordeste-impoem-derrotas-a-renan-e-sarney.htm


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

República de Curitiba

%d blogueiros gostam disto: