Depois do vazamento de senhas, Planalto finalmente admite que petistas sabotam o governo

screenshot_2017-01-11-09-13-40

 

Parece que finalmente caiu a ficha: o Palácio do Planalto “desconfia”, aliás tardiamente, que o governo Michel Temer tem sido sabotado pelos petistas que continuam exercendo cargos de confiança na administração federal. Havia a suspeita, mas a certeza certamente começa a se consolidar depois do vazamento de todas as senhas que permitem publicar fotos e informações em redes sociais do Planalto. A informação é do colunista Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Políticos que apoiam o presidente Michel Temer estão cansados de advertir sobre riscos da permanência de petistas no governo.

 

Quando é confrontado sobre o excesso de petistas no governo, Michel Temer sempre alega que sua orientação é evitar a “caça às bruxas”.

 

Segundo estimativas de deputados do próprio PT, cinco mil petistas continuam ocupando cargos comissionados no governo Temer.

 

Advertisements
Anúncios

1 comentário

  1. Tem muito mais. Estão falando só dos cargos comissionados. E a busca não precisa ser pelos funcionários concursados e antigos, pois esquerdista não gosta de estudar e trabalhar. Os vermelhos estão alojados além dos cargos comissionados, nos sindicatos, nas Ongs, nas consultorias, nas empresas terceirizadas e onde às vezes a gente nem imagina que estejam.

Deixe uma resposta