“Diante da situação difícil desses processos, ele foi um verdadeiro herói”, diz Moro sobre Teori

Posted by

moro-velorio

O juiz federal Sérgio Moro, responsável por julgar os processos da Lava-Jato na primeira instância, foi uma das primeiras autoridades do meio jurídico a visitar o velório do ministro Teori Zavascki do Supremo Tribunal Federal (STF) neste sábado em Porto Alegre. Em breve declaração à imprensa, Moro disse que Teori foi um ‘verdadeiro herói”.

– Pela relevância, importância dos serviços que ele prestava, diante da situação difícil desses processos, ele foi um verdadeiro herói. Há uma grande desolação da magistratura – declarou Moro.

O juiz foi questionado sobre a campanha feita na internet para que ele seja indicado à vaga de Teori para o Supremo, mas disse que não iria responder perguntas.

– Foi uma perda muito grande para a magistratura, e a vida continua – concluiu o juiz.

O corpo do ministro é velado desde as 9h deste sábado na sede do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), em Porto Alegre. Pela manhã, a cerimônia foi reservada para amigos e familiares. O velório foi aberto ao público, a partir das 11h. O sepultamento está marcado para as 18h no Cemitério Jardim da Paz, também na capital gaúcha. Diversas autoridades devem prestar sua última homenagem ao ministro, que morreu junto com mais quatro pessoas em um acidente aéreo em Paraty na quinta-feira.

A presidente do STF, Carmen Lúcia, chegou a Porto Alegre no fim da tarde de sexta e se reuniu com os filhos de Teori. A presidente do STF aguardou a chegada do corpo de Teori ao lado da família do ministro na Base Aérea de Canoas, na região metropolitana de Porto Alegre.

Assim como colegas de Teori no Supremo, o juiz Sérgio Moro, responsável pela Operação Lava-Jato, antecipou a volta das férias para ir a Porto Alegre. Moro e o desembargador João Pedro Gebran Neto chegaram ao velório por volta das 10h. O presidente Michel Temer deve chegar ao velório no fim da tarde.

O corpo de Teori é velado no plenário do TRF-4, prédio que ele inaugurou em 2002 quando presidiu o órgão. O local do velório foi um pedido da família Zavascki. Embora tenha nascido em Faxinal dos Guedes (SC), o ministro do STF fez carreira e formou sua família na capital gaúcha.

Advertisements
Anúncios

Deixe uma resposta