Doria contrata Jaime Lerner, o arquiteto da República de Curitiba

Posted by

JaimLerner 2

O prefeito de São Paulo João Doria (PSDB) afirmou na noite desta segunda-feira (10) que o urbanista e ex-governador do Paraná Jaime Lerner foi contratado para trabalhar em um projeto da prefeitura que prevê a requalificação do centro da cidade. A declaração foi dada em entrevista ao programa Roda Viva, da TV Cultura.

Segundo Doria, a contratação de Lerner foi possível por meio de uma parceria da administração municipal com a iniciativa privada. A contratação será financiada pelo Sindicato da Habitação (Secovi-SP). O prefeito se referiu a Lerner “como o maior arquiteto urbanista do país”.

A contratação de Lerner faz parte do plano de ações da prefeitura de São Paulo no projeto “Cidade Linda”. “O centro está destruído, maltratado e abandonado. […] Já fizemos algumas incursões e melhorou, mas está muito distante do padrão de qualidade que deve ter o centro da cidade de São Paulo”, afirmou Doria no Roda Viva.

“Jaime aceitou [o convite]. Ele tem paixão por São Paulo, ele gosta de São Paulo. No passado, ele chegou a ser convidado [para trabalhar para o Executivo municipal], mas, por um conjunto de razões, isso não se efetivou. Foi na gestão do Kassab, se não estou enganado”, afirmou o prefeito.

Obras

Doria explicou que o ex-governador vai atuar em projetos em várias áreas, como habitação, mobilidade, zeladoria, praças, áreas verdes, aspectos arquitetônicos e históricos. A previsão é de que todo esse conjunto de obras leve 12 anos para ser finalizado. O prefeito adiantou também que o “Minhocão” não será demolido, mas também será requalificado, inclusive no que diz respeito ao paisagismo.
Fonte: Gazeta do Povo

Advertisements
Anúncios

3 comments

    1. Por favor, não seja pessimista! Que sejamos mais crédulo!
      Vamos procurar dar um voto de confiança aos baderneiros para que nos sintamos mais “em casa” e um pouco mais seguros?

    2. O problema é que os prefeitos que o seguiram não deram continuidade pelo ao trabalho de conservar o que estava bem feito.

Deixe uma resposta