Moro ganha mais uma de Lula

lula-amigo-moro

Moro determinou o bloqueio com base em pedido do Ministério Público Federal. A defesa de Lula recorreu à segunda instância, no caso, o TRF4, o Tribunal Regional Federal da 4ª Região, em Porto Alegre. O relator, desembargador Gebran Neto, negou o pedido da defesa e manteve a decisão de Moro, ou seja, os bens e recursos de Lula continuam bloqueados.

O desembargador João Pedro Gebran Neto, relator da Lava Jato em segunda instância, negou um pedido da defesa de Lula para desbloquear bens e recursos do ex-presidente que foram confiscados por decisão do juiz Sergio Moro. Nos últimos dias, foram bloqueados R$ 606 mil que estavam em quatro contas bancárias de Lula, três apartamentos, um terreno, dois carros e mais R$ 9 milhões de dois planos de previdência privada.

Anúncios

2 comentários

  1. Dr. Sergio Moro, POR FAVOR, procure uma lei que lhe dê direito de CONGELAR TUDO QUE FOI DEVOLVIDO pelos delatores e ENTREGAR SOMENTE para o PRÓXIMO PRESIDENTE ELEITO PELO POVO!!! O executivo tem dinheiro para comprar carros novos? Então tem dinheiro em caixa no governo!!! Quanto mais devolver, mais roubo haverá!

    Curtir

  2. Judiciário forte, altaneira, não quedou-se ante os mandos e desmandos dos corruptos e corruptores do legislativo e do executivo!!!!!! Forte Juiz Moro! Forte Procurador do MPF DALAGNOL! Forte a segunda instância TRF4! Puderam matar Celso Daniel, mas não ao Moro, Dalagnol e Juízes do TRF4.

    Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s