“Vamos auxiliar Aécio para que se porte como deveria se portar”, avisa Fux durante voto contra o tucano

Screenshot_2017-09-27-16-52-44

O ministro das Relações Exteriores, Aloysio Nunes Ferreira (PSDB), fez críticas nesta quarta-feira à postura do ministro Luiz Fux, doSupremo Tribunal Federal (STF), no julgamento em que a Corte decidiu afastar o senador Aécio Neves (MG) e impor medidas cautelares contra o tucano. Para o chanceler, Fux “permitiu-se zombar” de Aécio durante a sessão que resultou numa “penalidade não prevista no direito brasileiro.

Aloysio Nunes se refere à forma como Fux votou pelo afastamento de Aécio do Senado, dizendo que “houve claro desvio de moralidade no exercício do mandato”. “Isso tudo se resume num gesto de grandeza que o homem público deveria adotar. Já que não teve, vamos auxiliá-lo para que se porte tal como deveria se portar, não só sair da presidência [do PSDB], mas pedir licença, sair do Senado, para poder comprovar à sociedade a sua ausência de culpa no episódio que marcou de maneira dramática sua carreira politica.”

Além de Fux, votaram pelo afastamento do senador mineiro os ministros Luís Roberto Barroso e Rosa Weber, enquanto Marco Aurélio Mello e Alexandre de Moraes foram vencidos. A Primeira Turma do STF também determinou que Aécio está proibido de deixar o país, deve se recolher durante a noite em sua casa e não pode manter contato com outros investigados.

Participe da discussão

1 comentário

  1. O discurso do ministro Luiz Fux foi um tapa na cara do senador Aécio Neves!
    Perfeito! Principalmente para quem se acha acima do bem e do mal e acima da lei.
    Irônico ou não, o ministro deu ao senador oportunidade de se convencer de que, nem mesmo ele -Aecio Neves- está acima do bem e do mal e da Lei!
    Adorei!
    Espero que o Aécio tenha entendido a mensagem que, aliás, serve para a grande maioria dos políticos brasileiros.
    Rita Helena Neves

Deixe um comentário
%d blogueiros gostam disto: