Temer decide vetar emenda que previa censura nas redes sociais

Screenshot_2017-10-06-13-09-13.jpg

O presidente Michel Temer anunciou que vetará a emenda aprovada pelo Congresso que obrigaria sites a suspender, sem decisão judicial, a publicação de conteúdo denunciado como “discurso de ódio, disseminação de informações falsas ou ofensa em desfavor de partido ou candidato”.

O trecho da censura está na parte da reforma política que trata de propaganda eleitoral na internet por candidatos ou partidos.

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: