Eu não quero nem que o Moro me absolva, só quero que ele me peça desculpa”, disse Lula

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou nesta segunda-feira (9) que não espera absolvição do juiz Sergio Moro, mas sim um “pedido de desculpas”. Lula é réu em seis ações penais, sendo duas delas sob responsabilidade de Moro,  que já o condenou a nove anos e meio de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no caso do tríplex de Guarujá (SP).

“Eu sei que eu estou lascado. Todo dia tem um processo. Eu não quero nem que o Moro me absolva, só quero que ele me peça desculpa”, disse Lula. “Eles estão mexendo com uma pessoa que tem como legado respeitar as pessoas. Eu sempre respeitei o de baixo e o de cima. Eu tenho profundo respeito com quem me respeita, mas eu não tenho respeito por quem não me respeita”, completou o ex-presidente.

Lula discursou durante seminário sobre educação pública, desenvolvimento e soberania nacional organizado em Brasília pelo PT e pela Fundação Perseu Abramo, ligada ao partido. Ele estava na companhia da presidente nacional da sigla, a senadora Gleisi Hoffmann, do senador Lindbergh Farias, do ex-prefeito de São Paulo e ex-ministro da Educação Fernando Haddad, entre outros petistas.

Participe da discussão

2 comentários

  1. SINCERAMENTE … SEM PALAVRAS … ONDE ESTÁ A VERDADE ??? TUDO LEVA A CRER QUE LULA REALMENTE OCULTOU PATRIMÔNIO ATRAVÉS DE JOGADAS … UTILIZANDO-SE A LÓGICA ELE É REALMENTE CULPADO .

  2. Que humor negro, a troco de quê um homem honesto no cumprimento do seu ofício pediria desculpas a um criminoso?
    Que disparate um seminário com essa subraça meliante presente, querendo dar palpite em educação e soberania nacional!

Deixe um comentário
%d blogueiros gostam disto: