STF deixa Aécio escapar e decisão favorece todos os demais corruptos

Posted by

Screenshot_2017-10-11-22-40-25.jpg

O plenário do Supremo Tribunal Federal (STF)decidiu nesta quarta-feira que o afastamento de parlamentares do mandato pela Corte deve ser submetido ao Congresso Nacional. O julgamento da Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) 5526 teve seis votos favoráveis ao aval da Câmara ou do Senado à sanção e cinco votos contrários.

Cármen Lúcia, presidente do STF, desempatou o julgamento com voto a favor da necessidade de o Congresso avalizar medidas cautelares que impliquem afastamento de parlamentares.

A decisão tem impacto direto no caso de Aécio Neves, afastado do cargo de senador desde 26 de setembro, por decisão da Primeira Turma do Supremo.

No próximo dia 17, os senadores vão decidir se derrubam as cautelares impostas a Aécio — agora amparados pelo entendimento do STF.

Advertisements
Anúncios

4 comments

  1. Realmente esse momento do Brasil é vergonhoso. O STF, quando a decisão favorece os políticos, resolve e decide. Quando não favorece, passa a bola à frente e deixa que os bandidos decisam , como juizes, o seu proprio destino.
    Um verdadeiro jogo de cartas marcadas.
    Acredito que só a intervenção militar resolverá isto. E espero que venham enquanto ainda houver estrutura nacional para ser restaurada!

    1. Nenhuma dúvida a política tomou conta da corrupção e perderam a vergonha na cara de vez pra eles roubarem 50 bilhões ou uma moeda de um real é a mesma coisa acabou a vergonha ..

Deixe uma resposta