Moro condena operador de propinas do PMDB a mais de 13 anos de prisão

Moro 3

 

O juiz Sérgio Moro condenou nesta 6ª feira (20), a 13 anos e 8 meses de prisão, Jorge Luz, apontado como operador de propinas do PMDB. A sentença aponta crimes de lavagem de dinheiro e corrupção na Lava Jato.

Moro também condenou Bruno Luz, filho do operador, a seis anos e 8 meses pelos crime de lavagem de dinheiro.

O (Ministério Público Federal) aponta em denúncia que pai e filho representaram interesses de políticos e funcionários públicos dentro da Petrobras. Ele são acusados de operar pagamento de US$ 15 milhões a políticos do PMDB e a funcionários da estatal de 2006 a 2008 na contratação da Samsung Heavy Industries para construir 2 navios-sondas para a Petrobras.

Participe da discussão

2 comentários

  1. O CHAMADO:

    Presidente e seu Ministros – Corruptos mentirosos
    Congresso – Corruptos Mentirosos
    STF – Protetor de corruptos mentirosos
    Ex-presidentes – Corruptos mentirosos
    Lava Jato – Funciona, mas não alcança os corruptos mentirosos, por causa do foro privilegiado
    Urgência – População na rua exigindo o fim do foro privilegiado,e não deixar STF revogar prisão em segunda instância, por que aí ninguém mais será preso, e fim da lava jato
    Situação – Tá tudo dominado, os canalhas estão vencendo de goleada
    Pecado – Omissão, ver o que está errado, e não batalhar para consertar
    Convite – Vamos começar a arrumar essa bagunça, e acabar com a pouca vergonha, JÁ??
    Recado – Precisamos nos unir para derrotar os vilões, que roubam nossos impostos, parem de ficar defendendo ladrões. Lá em cima, eles estão unidos contra nós. Chega, vamos pra cima agora !!!!!!!!!!

Deixe um comentário
%d blogueiros gostam disto: