“Estado brasileiro deve ser reduzido ao mínimo e concentrar seus investimentos na educação básica e segurança pública”, diz João Amoêdo

ja

 

O engenheiro e administrador de empresas João Amoêdo, fundador do partido NOVO, chamou a atenção para uma tendência que deve ser adotada nos próximos discursos de quem pretende se lançar à corrida presidencial: a redução da interferência do Estado.

Para Amoêdo, o Estado brasileiro deve ser reduzido ao mínimo e concentrar seus investimentos na educação básica, saúde e segurança pública. “O Estado não deveria ser gestor de empresas e o NOVO defende a desestatização de todas as empresas. A gestão privada é mais eficiente”, afirmou. Em sua página no Facebook, Amoêdo defende a desburocratização e valores como liberdades individuais e empreendedorismo.

Atualmente, há uma grande discussão sobre o tema com a batalha contra o projeto de lei 28/2017, que pode inviabilizar o funcionamento da Uber no Brasil.  De autoria do deputado federal Carlos Zarattini (PT-SP), a proposta estabelece um aumento da interferência do Estado no serviço, como a obrigatoriedade do uso de placas vermelhas, como as de táxis, assim como a necessidade de uma autorização específica do poder público municipal para a prestação do serviço. A Uber alega que o serviço prestado é privado, mas seria transformado em transporte público de passageiros, criando uma série de regulações e burocracias.

Amoêdo será o provável candidato do partido nas eleições presidenciais de 2018.  Ele é considerado um tipo raro na eventual disputa ao Planalto. E de fato, vem de fora do mundo político – como a maioria dos hoje quase 15 mil filiados ao partido. Os apoiadores da sigla são, sobretudo, profissionais liberais de diversas áreas. Porém, a legenda ganhou fama de ser considerada a mais alinhada ao mercado financeiro.

 

 

 

Anúncios

1 comentário

  1. E INFELIZMENTE COMO NÃO POSSUÍMOS CONDIÇÃO DE ACOMPANHAR O NOTICIÁRIO NACIONAL, FICAMOS ALHEIOS AS REALIDADES POLÍTICAS DO PAÍS. MAS, POR OUTRO LADO O MÍNIMO QUE QUE CONSEGUIMOS ACOMPANHAR PODEMOS AFIRMAR COM CERTEZA QUE O GRUPO OPERACIONAL NA LAVA-JATO, PRECISA SE ASSEGURAREM COM MUITA FIRMEZA, E PROCURAREM PROMOVER UMA CAMPANHA PÚBLICA (VIA ABAIXO ASSINADO, O COISA QUE O VALHA), PARA CONTAR COM A MAIORIA DA POPULAÇÃO. PORQUE OS INIMIGOS DA LAVA-JATO, E SEUS MEMBROS OPERADORES, ESTÃO BATENDO DURO PARA TENTAR DESMORALIZA-LOS.

    SE TIVÉSSEMOS UMA JUSTIÇA APRIMORADA NO PAÍS, ESSES NOTICIÁRIO FALSO NÃO TERIA TANTO ESPAÇO, E TANTA LIBERDADE/. FALTA CENSURA (E SEM SER ANTI-DEMOCRÁTICO, MAS LIMITES DA LEI) IMPEDIR ESSA CIRCULAÇÃO MENTIROSA, TENDENCIOSA, E PESQUISAS DIRIGIDAS E PROGRAMADAS E MENTIROSAS PARA ENGANAR OS ELEITORES, E O POVO EM GERAL!.//

    O POVO PRECISA APOIAR AS OPERAÇÕES NA LAVA-JATO PELA ESPERANÇA DE QUE É O MEIO MAIS EM CONTA PARA COLOCAR O PAÍS NOS EIXOS, E PUNIR OS CORRUPTOS, ENQUANTO É TEMPO, PARA QUE NÃO VENHAMOS A CHORAR DEPOIS.

    O POVO ***POBRE*** MESMO DO CENTRO OU DA PERIFERIA PRECISA ACORDAR DEIXAR DE SER LEVADO NA CONVERSA, POIS: MILHÕES, BILHÕES, TRILHÕES DE REAIS FORAM SURRUPIADOS DOS BANCOS/CAIXA, VIA BNDS, DA PETROBRÁS E OUTRAS INSTITUIÇÕES (FUNDOS DE PENSÃO-CORREIO) NESSE MAIOR GOLPE DE CORRUPÇÃO JAMAIS VISTO NO MUNDO/. AOS POBRES DERAM MIGALHAS!…//

    NESSA CAMPANHA POLÍTICA DO PRÓXIMO ANO PRECISAMOS ESCOLHER O CANDIDATO E CANDIDATOS QUE POSSAM REALMENTE TRAZER AS MUDANÇAS QUE O BRASIL PRECISA. OU P O D E MO S ESPERAR.

    EU FICO COM INTERVENÇÃO MILITAR JÁ.

    Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s