STF vai decidir se cúpula do PMDB do RJ fica ou não na cadeia

Screenshot_2017-11-18-09-02-34

 

 

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin enviou hoje (22) ao plenário da Corte a ação na qual a Procuradoria-Geral da República (PGR) pede a anulação da decisão da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) que revogou a prisão dos deputados Jorge Picciani, Paulo Melo e Edson Albertassi, todos do PMDB.

Com a decisão de Fachin, caberá à presidente do STF, Cármen Lúcia, marcar a data do julgamento. A ação levará a Corte a decidir sobre o caso definitivamente, porque a Justiça Federal julgou a questão ontem (21) e restabeleceu a prisão dos parlamentares.

 

Anúncios

2 comentários

  1. Que que bom que tenham a capacidade de agir com bom senso e cuprir a lei,pois eu acho que processos quem tem que julgar, são as autoridades competente e não os parlamentares,que tem feito esse trabalho até agora. Porque gera na população uma indignação, e é suspeito

    Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s