PT perde ação contra Dallagnol

del2

O plenário do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) confirmou na manhã desta terça-feira, 28, por unanimidade, o arquivamento de uma representação instaurada para apurar suposto ganho comercial com palestras pelo procurador da República Deltan Dallagnol, coordenador da força-tarefa da Lava Jato. Para o Conselho, não há irregularidade na realização de palestras.

O procedimento já havia sido arquivado pela Corregedoria Nacional da instituição, mas um recurso contra a decisão pedia que o caso fosse reaberto. O recurso interno foi apresentado pelos deputados federais Paulo Pimenta (PT-RS) e Wadih Damous (PT-RJ), autores da reclamação contra o procurador.

O caso foi encaminhado para relatoria do conselheiro Silvio Amorim, que opinou pela manutenção do arquivamento e foi acompanhado em decisão unânime tomada na manhã desta terça. O CNMP é composto por 14 conselheiros, tendo na presidência a procuradora-geral da República, Raquel Dodge.

 O entendimento dos conselheiros que analisaram o procedimento – tanto na abertura da representação como no recurso analisado – é de que Dallagnol pode proferir palestras, porque a atividade se insere no conceito de docência autorizado aos membros do Ministério Público pela Constituição, por leis que regem a carreira e por resolução do CNMP.

Em junho, quando o Conselho foi acionado para avaliar o tema, Deltan informou que a maioria das palestras é gratuita e que em 2016 doou os valores recebidos a um hospital no Paraná. Na época, questionado por jornalistas, o procurador afirmou que a atividade de dar palestras é lícita.

A avaliação foi confirmada pelo plenário do CNMP. Na visão de Amorim, que recebeu o recurso, as palestras foram ministradas de modo lícito, conforme já havia sido apontado pela corregedoria.

Anúncios

11 comentários

  1. NESTE PAÍS SER BANDIDO É CORRUPTO E PALESTRANTRE QUE NÃO TERMINOU BEM O PRIMÁRIO E GANHAR BILHÕES NÃO É CRIME
    MAS SER UM PROFISSIONAL DA JUSTIÇA , BEM PREPARADO E EDTIDADO , CAPAZ DE DAR PALESTRAS PELO SEU CONHECIMENTO ADQUIRIDO AÍ SIM É CONDENÁVEL

    AÍ OAB ABRE A BOCA E APOIE O BRASIL E O POVO BRASILEIRO CONTRA ESSA TRALHA POLÍTICA.
    PARABÉNS AO JORNALISTA MARCO ANTONIO VILA QUE ESTÁ SEMPRE ATENTO AOS ATOS CONTRA A LAVA JATO.

    Parabéns ao Marco Antonio Villa.
    EU própria já enviei várias críticas a OABsobre isto . NUNCA RECEBI NENHUMA RESPOSTA. Acho para não dizer que tenho quasev certeza que esta ordem está em comum acordo com este tipo de advogado LESA PÁTRIA.
    É óbvio que eles sabem de onde vem está dinheirama podre mas o que importa para eles não é o.pais e nem o povo. Se juntam a todos aqueles que estão acima da lei para aproveitar o momento de sanguessugas deste BRASIL.

    Riquelme Leonel e Silva

    Curtir

  2. Por que será que eles não abrem representação para investigar as palestras que o Molusco-Mor dava, das quais nunca uma viva alma viu um vídeo sequer? Então quer dizer que um analfabeto funcional pode dar palestras e ganhar milhões de reais e um procurador da República engajado contra a corrupção não pode??!! Resta as esses “sem noção” sentar, e chorar…

    Curtir

  3. Certo, mas agora não cabe um processo por calunia, difamação, e etc ? Por que na midia em geral os titulos das noticias eram “Procurador da lava jato e processador por receber por palestras e bla bla bla”. Muitas pessoas leem apenas o titulo e ja acham que o cara e criminoso, por culpa desses dois embusteiros.

    Curtir

  4. Essa garotada são enviados de Deus à Terra para mostrar que ainda temos muita gente boa nesse mundo! Esses lixossssss do pt só servem pra azucrinar a cabeça dos outros! Lixossssss comunistas!

    Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s