Além de Temer, Alckmin quer apoio mais 5 partidos envolvidos no Petrolão

Publicado por

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, depois de se aproximar do MDB, de Temer, mas com dificuldade com o DEM, de Rodrigo Maia, que também tem se colocado como opção, o tucano mira, no atual cenário, em partidos considerados médios, como PR, PSB, PTB, PPS, PV e Solidariedade. Todos envolvidos no maior escândalo de corrupção da história do país, o Petrolão.

Com o cenário aberto para a chegada de novos postulantes ao cargo, o governador praticamente já descarta a tese de que as forças políticas de centro devem convergir para um único nome.

Mas considera que três candidatos podem ser demais, em referência às pretensões de Maia e do ministro da Fazenda, Henrique Meirelles (PSD).

Curta República de Curitiba
Anúncios

2 comentários