PT se queixa a presidente do TRF4: processo de Lula é um “fura fila processual”

Screenshot_2018-01-12-23-14-08

Em reunião marcada a título de cortesia, na tarde desta sexta-feira, no Tribunal Regional Federal da 4ª região, deputados petistasentregaram ao presidente da corte, Carlos Eduardo Thompson Flores, a cópia de um livro que critica a sentença do juiz Sergio Moro e um ofício em que questionam a “celeridade” do tribunal com a apelação do ex-presidente Luiz InácioLula da Silva, no caso do tríplex do Guarujá.

No documento, deputados dizem que a tramitação do processo de Lula na segunda instância se transformou numa espécie de “fura fila processual”.

No ofício, os parlamentares reiteram a tese da defesa de Lula de que o petista tem sido vítima de uma perseguição da “equipe” de Curitiba, em alusão à Força-Tarefa da Operação Lava-Jato.

Thompson também foi “presenteado” com o livro “Comentários de uma sentença anunciada”, escrito por petistas que contestam a sentença que condenou o ex-presidente. O presidente do TRF já havia dado entrevistas em que chegou a classificar a sentença de Moro como “irreprensível”.

O grupo afirmou ainda que, assim como na primeira instância, está diante de um julgamento de caráter “político” e não jurídico.

Lula foi condenado pelo juiz Sergio Moro a nove anos e seis meses de prisão, mas recorreu da sentença e terá sua apelação julgada no dia 24.

Anúncios

1 comentário

  1. Esse ato ptista chega aos limites de guerrilha, pois não é simples desagrado, mas verdadeira afronta ao Estado Democrático de Direito.
    Não há conexão com a realidade tal ato (rebelde) que se recusa ao aceita de decisão judicial.
    A visita ao TRF é demonstração cabal de como atua o PT, haja vista ter intenção de coaguir, pressionar e enquadrar o Desembargador.
    Eles, ptistas, sequer tem capacidade postulatória para questionarem processo em andamento, motivo pelo qual o Desembargador não deve nem mesmo tomar conhecimento dos documentos que lhe entregaram.
    Qual é a regência processual a dar validade e vida ao processo a não ser a legitimidade de, dentro dele, postular, logo, escluindo-se a urbanidade do Desembargador, toda essa encenação deve procurar seu palco em outra vizinhança.
    Como brasileiro deixo meu repúdio contra tal encontro e ergo a bandeira brasileira como escudo forte “impavidus” na demonstração de meu patriotismo cujo objetivo é:
    Extirpar de nosso solo, esse demoníaco partido chamado PT e sua maligna vontade de destruir nossas famílias e td o que toca com o nono dedo.

    Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s