Apesar do monopólio, Petrobras gasta R$ 550 milhões em propaganda

Publicado por

Petrobras 1

Apesar do monopólio na produção de petróleo e seus derivados, principalmente gasolina, e de controlar o mercado, a Petrobras presidida por Pedro Parente acha relevante gastar mais de meio bilhão de reais (exatos R$550 milhões) durante 30 meses em propaganda.  A informação é do colunista Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

A Petrobras justifica o aumento abusivo no preço dos combústíveis por causa dos “preços internacionais”. Mas não se conhece qualquer país com gasolina tão cara quanto a brasileira.

Até o Paraguai, que não produz petróleo, vende gasolina da Petrobras, nos postos da petroleira, a R$2,45 o litro (R$2,62 a gasolina aditivada).

A estatal gastou quantia superior a R$3,71 bilhões com publicidade e propaganda, nos últimos quinze anos.

Advertisements
Anúncios

2 comentários

  1. Esse Pedro Parente eu achava que seria uma solução para a Petrobras, mas o que ele fez foi fazer esses aumentos exorbitantes nos combustíveis, penalizando o consumidor. Governo de péssima qualidade.

  2. É uma coisa que eu sempre me pergunto, porque fazer propaganda da Petrobras, Eletrobras e outras empresas Estatais, porque não investir essa dinherama toda na melhoria dos serviços prestados?

Deixe uma resposta