TRF4 mantém Moro nos processos em que Lula é réu

Publicado por

O Tribunal Superior Federal da 4° Região (TRF-4) negou, nesta quarta-feira (4), dois pedidos de exceção de suspeição feitos pela defesa do ex-presidente Lula.

Os recursos solicitavam o afastamento do juiz federal Sérgio Moro na condução dos processos em obras do sítio em Atibaia, e sobre desvios de recursos através da compra de terreno para a construção do Instituto Lula.

A decisão foi unânime, porém a defesa pode entrar com recurso de embargos de declaração.

“A participação de eventos com ou sem a presença de agentes políticos não macula a isenção do juiz, em especial porque possuem natureza meramente acadêmica, informativa ou cerimonial, sendo notório que em tais aparições não há pronunciamentos específicos a respeito de processos em andamento”, afirmou o o desembargador João Pedro Gebran Neto, na decisão.

Anúncios

3 comentários

  1. Com certeza é só a primeira e segunda instância que existe credibilidade na justiça desse país!!!!!

  2. Tiradentes foi enforcado, esquartejado e partes do seu corpo foram pendurada nos postes. Detalhe: Ele não era ladrão.

Deixe uma resposta