Filha de Temer defende legalização do aborto, das drogas e regulamentação da prostituição

Publicado por

 

temer e filha

Luciana Temer disse que defende a legalização do aborto, das drogas e regulamentação da prostituição. A afirmação foi feita durante uma entrevista à revista Exame, no início deste ano. Hoje (13), o Diário Oficial da União trouxe um “extrato de termo de fomento”, com a autorização do repasse de 100 mil reais para uma ONG abortista promover um evento de um dia.

Luciana é professora de direitos constitucionais da PUC-SP e da Uninove. A filha primogênita do presidente Michel Temer já foi secretária de assistência social da Prefeitura, na gestão de Fernando Haddad, a quem admira e se identifica. Ex-delegada de defesa da mulher, em Osasco (SP), trabalhou também com o governador Geraldo Alckmin e tem Gabriel Chalita em alta conta.

O repasse do governo Temer foi destinado ao grupo “Católicas pelo direito de decidir” — uma ONG sem qualquer ligação com a Igreja Católica que tem como uma das principais bandeiras a legalização do aborto no Brasil.

O investimento, por meio da Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres — dividido em duas parcelas (80 mil neste ano e 20 mil em 2019) –, é para que seja realizado um seminário de um dia “para debater a atuação da bancada religiosa conservadora no Congresso Nacional e elaboração de estratégias conjuntas de enfrentamento à esta atuação”.

 

Curta República de Curitiba
error
Anúncios

4 comentários

  1. Gentalha como essa cheia de diplomas, pompas e circunstâncias, é bem parecida com o carrasco de Auschwitz…. não tem moral, escrupulo…. são indecentes. Sem mais palavras

  2. De que adianta ter tantos títulos e ser tão imoral!
    As PUCs tem sido motivo de escândalo para quem segue a Doutrina da Igreja Católica.
    O mesmo marxismo cultural da esquerda socialista genocida que tomou conta das universidades no Brasil invadiu também as universidades católicas que, através de Reitores subservientes e coniventes propiciam o livre trânsito da militância vermelha anti-cristã em suas dependências.
    Os fiéis cristãos que seguem cegamente sem ter o cuidado de se informar sobre os rumos da Teologia da libertação e dessas ONGs promotoras de agendas de destruição da família e dos valores morais e éticos da sociedade, acabam contribuindo para o caos, tão útil para os projetos de poder totalitário e ditaduras sanguinárias.
    O Brasil está nas mãos de mentes criminosas e corre grande risco!

  3. Não bastasse o caos que anda a nossa sociedade, a tremenda falta de respeito, humanidade e fé entre as pessoas, e ainda aparece uma escrota para acabar de vez com a família. Não vejo esses políticos com nenhum projeto que seja para melhorar, só tem destruição.