Beto Richa é preso em nova Operação da Lava Jato

O ex-governador do Paraná Beto Richa (PSDB) foi preso nesta terça-feira, em Curitiba, em novas ações da Operação Lava-Jato e do Ministério Público do estado. A mulher do tucano, Fernanda Richa, e seu ex-chefe de gabinete no estado Deonlison Roldo, também foram detidos. Até as 8h30, a defesa de Richa ainda não tinha se pronunciado.

Já a segunda operação contra ele é parte da 53ª fase da Lava-Jato, que investiga o suposto pagamento de propina da Odebrecht em obras viárias do Paraná. Policiais federais cumpriram mandado de busca e apreensão no apartamento do ex-governador.

Na Lava-Jato, a PF cumpriu 36 ordens judiciais em Salvador (Bahia), São Paulo (SP), Lupianópolis (PR), Colombo (PR) e Curitiba (PR). A nova fase foi batizada de “Operação Piloto” – referência ao codinome de Richa na lista de propinas do Grupo Odebrecht. São três mandados de prisão e 33 de busca e apreensão, 28 só na capital paranaense.

Anúncios

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s