Carlos Miranda cumprirá prisão domiciliar

Publicado por

carlos_miranda

Carlos Miranda, operador de Sérgio Cabral delator do esquema de pagamentos feitos a políticos e pessoas envolvidas nos esquemas de corrupção que desencadeou na operação Furna da Onça, deixa a prisão nesta sexta-feira para cumprir pena em casa.
O “braço direito” de Cabral agora segue para o regime domiciliar fechado, onde será monitorado através de tornozeleira eletrônica.

Curta República de Curitiba
Anúncios