Ditadura do politicamente correto não perdoa nem o futebol inglês

Já disse um técnico italiano que o futebol é coisa mais séria dentre as de mera diversão. Mas a coisa ficou menos descontraída e mais politizada na Inglaterra. Informa o tabloide “The Sun” que o Manchester United vem sendo alvo da militância do homossexualismo nas redes sociais, por ser um dos únicos times que não mudou sua foto de perfil de Twitter em adesão “voluntária” à campanha que traz o tema da opção sexual para os gramados (e para as famílias que os observam).

Já é notório e nenhuma novidade que muitos jogadores de futebol são homossexuais assumidos publicamente. Mas será mesmo necessário expor a vida pessoal de um atleta por capricho da militância? O clube tem o direito de escolher em não colocar nas capas dos jornais a vida de seus jogadores. O que importa para o time é a qualidade de seu jogo e de sua equipe. O resto é chatice da militância que não cansa de ser antidemocrática.

Segue abaixo o link da matéria do The Sun

https://www.thesun.co.uk/sport/football/7874230/manchester-united-twitter-lgbt-campaign/

Anúncios

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s