Sempre a mesma conversa

Publicado por

moroelula

A defesa de Lula apresentou 1643 páginas de alegações finais, e um capítulo à parte é dedicado somente ao aceite do juiz federal Sérgio Moro para chefiar o Ministério da Justiça e Segurança Pública do governo Bolsonaro.

Visualize o documento

Eles alegam que o então juiz Sérgio Moro manteve contato com a cúpula da campanha do Presidente eleito durante o processo eleitoral, e alegam perseguição ao PeTista.

“Lula nega ter recebido propinas e afirma ser vítima de perseguição política”.

O caso envolvendo o sítio representa a terceira denúncia contra Lula no âmbito da Operação Lava Jato, e a entrega das alegações finais representa a fase final da ação penal. Após as manifestações derradeiras dos réus e do Ministério Público Federal, Gabriela Hardt poderá sentenciar os réus.

Curta República de Curitiba
error
Anúncios

2 comentários