Um crime pode ter sido cometido na votação de sábado (02 fev.) do senado federal, e possivelmente pela turma do Renan.

E o pior que a fraude foi passada ao vivo para todo país e o mundo, manchando mais ainda a imagem do Brasil.

O senador José Maranhão, em uma atitude extremamente suspeita, destruiu a prova, mandando triturar as cédulas.

No vídeo abaixo mostra que os votos das cédulas da fraude estavam endereçados ao cangaceiro Renan Calheiros.

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: