Escritório de presidente da OAB recebeu R$ 1,26 milhão de estatal sem licitação

Publicado por

Não bastassem os R$ 2,5 milhões em contratos com a Petrobras, sem licitação, o escritório do novo presidente da OAB Nacional, Felipe Santa Cruz – aquele que defende o fim das investigações contra a corrupção porque afeta o desenvolvimento econômico do país – recebeu mais de R$ 1 milhão da estatal Serpro, também sem licitação.

É o que mostram dados obtidos do Portal da Transparência. O escritório Felipe Santa Cruz Advogados, CNPJ 11.820.663/0001-79, foi contratado sem licitação pelo Serviço Nacional de Processamento de Dados (Serpro), no dia 18 de dezembro de 2014, para prestação de serviços advocatícios perante o TRT-1 e o TST.

Em entrevista à Folha no último dia 6, o advogado afirmou que “é preocupante a paralisia do poder público, um apagão das canetas diante da insegurança jurídica”.

Só faltou explicar quais canetas estão apagadas. A dele, para assinar os contratos milionários com estatais, vai de vento em popa.

Curta República de Curitiba
Anúncios