Bolsonaro afirmou em entrevista à TV Record que:

“Gustavo Bebianno, terá de “voltar às origens” se estiver envolvido em supostas irregularidades do PSL”.

Esta afirmação foi dada após denúncia que o PSL, partido do presidente, repassou R$ 400 mil a uma candidata a deputada federal em Pernambuco que teve 274 votos, três dias antes da eleição. Segundo o jornal, o dinheiro foi repassado enquanto Bebianno era presidente do partido.

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: