Lembra do caso de Paulo Vieira que guardava dinheiro em Bunker, e que o dinheiro guardado era o dobro do Bunker do Geddel?

Agora foi descoberto na delação de Adir Assad, doleiro operador do PSDB, que Paulo guardava dinheiro em parede falsa, em sua casa.

De acordo com o delator o dinheiro era guardado em 1 imóvel de Paulo na Vila Nova Conceição, em São Paulo, onde possuía 1 cômodo com parede falsa. Segundo a delação de Assad, o doleiro chegou a retirar da casa de Paulo Vieira até 15 malas com R$ 1,5 milhão.

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: