No próximo dia 23/04 o STJ poderá conceder prisão domiciliar ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, juristas acreditam que o STJ vai livrar Lula do crime de lavagem de dinheiro, reduzir a pena e tirar Lula da cela de Curitiba.

Juristas entendem que logo depois da Páscoa daqui duas semanas, a condenação do ex-presidente por corrupção seja mantida no STJ. Lula, entretanto, deverá ser absolvido da acusação de lavagem de dinheiro, acredita a defesa, porque o ex-presidente não incorporou o imóvel, logo não estaria caracterizado o crime de lavagem de dinheiro.

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: