Hoje aconteceu o julgamento virtual para rediscussão da condenação em segunda instância, e claro que o ministro Ricardo Lewandowski pediu vista, o que leva o caso automaticamente ao plenário da Segunda Turma.

Com isso o Ricardo Lewandowski antecipa a rediscussão do tema, que é alvo de outra ação cuja análise no plenário do STF foi adiada por Dias Toffoli no último dia 10.

O pior que nesta Segunda Turma estão os ministros Ricardo Lewandowski, Celso de Mello e Gilmar Mendes, então já sabemos o que pode acontecer.

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: