Renan Saad, procurador no Rio de Janeiro, é o alvo da Lava-Jato no Rio de Janeiro na manhã desta segunda-feira (01/07), ele é suspeito de receber R$ 1,3 milhão em pagamentos da Odebrecht durante as obras da Linha 4 do metrô do Rio.  

Heberton Tavares da República de Curitiba.

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: