Por essa Gilmar Mendes não esperava!

Publicado por

O Juiz Marcelo Bretas cedeu uma entrevista para a BBC News, e na entrevista o juiz foi questionado se um processo do atual governador Wilson Witzel caísse em suas mãos que atitude ele teria.

Bretas não mediu palavras e respondeu:

“Eu jamais julgaria algo com relação ao Wilson, por ser meu amigo. Primeiro que não tenho competência. Como governador, ele não responde na primeira instância. Não tem nenhuma situação em que eu teria que julgá-lo. Eu o trato como amigo, e se algum dia ele estiver na iminência de vir para a minha jurisdição, a mim caberá dizer, olha, é meu amigo, nesse caso eu não participo. Isso para mim é muito claro.”

E claro aproveitou para mandar uma direta ao ministro do STF Gilmar Mendes:

“Há casos de pessoas que eventualmente julgam até casos que envolvem afilhado de casamento, né? E não se dão por suspeitos ou impedidos.”

Com certeza Bretas estava se referindo ao caso do empresário Jacob Barata Filho, a quem o ministro foi padrinho de casamento da filha do empresário, e que mandou soltar da cadeia várias vezes.

Heberton Tavares da República de Curitiba.

Curta República de Curitiba
error
Anúncios