Encontrado Morto

Publicado por

O ex-assessor especial da Secretaria de estado e Saúde do Maranhão, era investigado pela PF (Polícia Federal) como sendo o operador de um esquema que teria desviado mais de R$18 milhões dos cofres públicos no governo de Flávio Dino PCdoB (Partido Comunista do Brasil).

Leia abaixo a matéria na íntegra:

Mariano de Castro Silva, médico, foi encontrado morto na noite desta quinta-feira (12), no apartamento em que morava num condomínio fechado, próximo ao Riverside, no bairro Ininga, zona Leste de Teresina.

De forma muito estranha e com indícios de queima de arquivo, o ex-assessor foi encontrado morto em seu apartamento.

Os exames realizados no Instituto de Medicina Legal, revelaram que o médico morreu – ou foi morto – por asfixia.

É quase impossível, na esquerda, participarem de esquemas escabrosos como esse acima relatado e alguém sair imune sem pagar com a própria vida para não relatarem tudo o que sabem e quem são os verdadeiros regentes dessa desafinada orquestra de crimes contra a ordem pública.

O ex-assessor escreveu uma carta a mão contando o esquema, veja abaixo:

Júnior Santos da República de Curitiba.

Curta República de Curitiba
error
Anúncios