Bolsonaro e os desafios para 2020

Presidente da República, Jair Bolsonaro /Foto: Marcos Corrêa/PR

Bolsonaro e os desafios para 2020

A transformação que o governo de Jair Bolsonaro se propôs a fazer no Brasil não ocorre de um instante para o outro. Não se trata apenas de consertar o enorme estrago causado pelo lulopetismo ao longo de 13 anos, mas de mudar concepções que foram construídas ao longo de décadas a respeito do Estado brasileiro, seu tamanho e seu papel. Entre os objetivos que o país precisa perseguir estão colocar a iniciativa privada no papel de protagonista do desenvolvimento econômico; confiar no empreendedor em vez de enxergá-lo como explorador e mal-intencionado até prova em contrário; regulamentar apenas o estritamente necessário; enxugar a inchada máquina pública; eliminar distorções e fontes de desigualdade; equilibrar o gasto público de forma duradoura e sustentável.

Bolsonaro aproveitou o embalo das dezenas de milhões de votos para, logo em seu primeiro ano de mandato, dar um enorme passo com uma reforma tão necessária quanto impopular, a da Previdência. A batalha durou um ano, a proposta foi desidratada no Congresso Nacional, mas boa parte daquilo que era essencial à reforma – como a instituição de idades mínimas e regras mais igualitárias para todos os brasileiros, seja do setor público ou privado – foi mantida. Alguns pontos seguem em discussão, como a inclusão dos funcionalismos estaduais e municipais; outros foram descartados completamente, como o regime de capitalização, mas terão de voltar à pauta mais cedo ou mais tarde. Além disso, o governo deu passos importantes na frente da desregulamentação, especialmente com a Lei de Liberdade Econômica, e avançou nas privatizações e concessões.

(Fonte: Gazeta do Povo)

Resumo por: Júnior Santos da República de Curitiba.

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: