Educação a Distância – 10 Motivos para Estudar

Educação a Distância – 10 Motivos para Estudar

Motivo 1 Rápido e Prático motivo 1

Fazer Cursos Online é uma forma rápida e prática de aprender. É possível iniciar um curso em qualquer dia, não é necessário apresentar documentos ou participar de processos burocráticos para iniciar as aulas.

Motivo 1 Valores Acessíveis motivo 2

Nossos cursos variam entre R$ 20,00 e R$ 89,00. Um treinamento parecido em outras instituições pode custar mais de R$ 500,00. Nossa eficiência e alto volume de alunos possibilitam oferecer cursos de alta qualidade por valores reduzidos. Além disso, não há nenhuma cobrança de mensalidade em nossos cursos, eles são pagos uma única vez.

Motivo 1 Flexibilidade motivo 3

O processo é totalmente flexível: Flexibilidade de Local, Flexibilidade de Horário, Flexibilidade de Duração do Curso. Estude de onde preferir, da sua casa, trabalho, faculdade, lan-house ou de qualquer computador, faça nos seus horários disponíveis e conclua os cursos em quanto tempo desejar. Tudo é feito de acordo com seu ritmo, sem compromisso com prazos e horários fixos.

Motivo 1 Não necessita se locomover motivo 4

Fazendo nossos Cursos Online você não gasta com locomoção até uma escola presencial, não perde tempo no trânsito. Isso significa mais tempo livre para estudar, resultando em um melhor aproveitamento.

Motivo 1 Banco de Currículos motivo 5

Diversas empresas contatam-nos e solicitam indicações de alunos para vagas de emprego. Ao estudar conosco, você pode incluir seu currículo no Banco de Currículos e ser indicado para vagas relacionadas aos cursos feitos.

Motivo 1 Certificado Válido em Todo o Brasil motivo 6

O Certificado é válido em todo o Brasil e em vários outros países, ele pode ser utilizado em faculdades, empresas públicas e privadas, concursos e provas de título, entre outros.

Motivo 1 Empresa Mantenedora da ABED motivo 7

O Cursos 24 Horas é uma empresa mantenedora da ABED – Associação Brasileira de Educação a Distância. Nosso nome e logo é exibido na página de Mantenedores da ABED.

Motivo 1 Funcionários treinados conosco motivo 8

Outra prova de qualidade do sistema de ensino é o número de empresas que já tiveram funcionários treinados conosco. Veja na imagem ao lado algumas dessas empresas.

Motivo 1 Seu Currículo fica Atualizado motivo 9

Todos os cursos podem ser incluídos em seu currículo. As pesquisas comprovam que manter o currículo atualizado é uma das formas mais eficientes para ser promovido, conseguir um novo emprego, ou até mesmo evitar uma demissão do emprego atual.

Motivo 1 Professores Altamente Qualificados motivo 10

Uma equipe de professores altamente qualificados fica à disposição para atender aos alunos, corrigindo exercícios, enviando material adicional e tirando todas as dúvidas que possam surgir durante o curso.

 http://www.cursos24horas.com.br/parceiro.asp?cod=promocao126038

Operação Boca Livre. Não nos convidaram pra essa festa… Ainda bem

 

policia-federal-carro

 

“As investigações constataram que eventos corporativos, shows com artistas famosos em festas privadas para grandes empresas, livros institucionais e até mesmo uma festa de casamento foram custeados com recursos de natureza pública, obtidos por meio da Lei Rouanet”, informou a Polícia Federal em nota ao deflagar a Operação Boca Livre, nesta terça-feira, 28 de junho.

A PF e a Controladoria-Geral da União investigam fraudes de R$ 180 milhões. Serão cumpridos 14 mandados de prisão temporária e 37 mandados de busca e apreensão em São Paulo, Rio de Janeiro e no Distrito Federal, todos expedidos pela 3ª Vara Federal Criminal em São Paulo.

A investigação cita o Ministério da Cultura, as empresas Bellini Eventos Culturais, Scania, KPMG e o escritório de advocacia Demarest, Roldão, Intermedica Notre Dame, Laboratório Cristalia, Lojas 100, Nycomed Produtos Farmacêuticos e Cecil.

Vamos esperar aqueles artistas, os que fizeram uma barulheira danada tempos atrás, rugirem  contra a Operação Boca Livre. Talvez, eles levantem as plaquinhas.

E temos um bom momento para lembrar da canção “Brasil, mostre a tua cara”, de Cazuza. É um protesto aos escândalos políticos, às desigualdades sociais e às injustiças. Segue a letra:

Brasil
Cazuza
Não me convidaram
Pra esta festa pobre
Que os homens armaram
Pra me convencer
A pagar sem ver
Toda essa droga
Que já vem malhada
Antes de eu nascer

Não me ofereceram
Nem um cigarro
Fiquei na porta
Estacionando os carros
Não me elegeram
Chefe de nada
O meu cartão de crédito
É uma navalha

Brasil!
Mostra tua cara
Quero ver quem paga
Pra gente ficar assim
Brasil!
Qual é o teu negócio?
O nome do teu sócio?
Confia em mim

Não me convidaram
Pra essa festa pobre
Que os homens armaram
Pra me convencer
A pagar sem ver
Toda essa droga
Que já vem malhada
Antes de eu nascer

Não me sortearam
A garota do Fantástico
Não me subornaram
Será que é o meu fim?
Ver TV a cores
Na taba de um índio
Programada
Prá só dizer “sim, sim”

Brasil!
Mostra a tua cara
Quero ver quem paga
Pra gente ficar assim
Brasil!
Qual é o teu negócio?
O nome do teu sócio?
Confia em mim

Grande pátria
Desimportante
Em nenhum instante
Eu vou te trair
Não, não vou te trair

Brasil!
Mostra a tua cara
Quero ver quem paga
Pra gente ficar assim
Brasil!
Qual é o teu negócio?
O nome do teu sócio?
Confia em mim

Brasil!
Mostra a tua cara
Quero ver quem paga
Pra gente ficar assim
Brasil!
Qual é o teu negócio?
O nome do teu sócio?
Confia em mim

Confia em mim
Brasil!

 

Generais do Exército do Sul do País homenageiam Sergio Moro e prometem protegê-lo

 

Moro exercito

Juiz Federal Sergio Moro foi condecorado pelo Exército em nome das Forças Armadas em solenidade realizada no 20º Batalhão de infantaria Blindado, Curitiba (PR).

Ele foi condecorado com a Ordem do Mérito Cívico, concedida pela Liga Militar de Defesa Nacional.

Moro é responsável por julgar os processos da Operação Lava-Jato, e tem levado vários, antes intocáveis, bandidos de colarinho branco, para trás das grades.

O mais curioso é que recentemente o magistrado se recusou a receber uma honraria ofertada pela Câmara Federal em Brasília.

Fonte presentes ao evento, presenciaram o momento em que generais de alta patente afirmaram a Sergio Moro:
– “Excelência, pode trabalhar com tranquilidade, pois estaremos protegendo Vossa Excelência e sua família. Nosso serviço reservado de inteligência estará à sua disposição“.

Fontes do Exército confirmam que Moro aceitou e está sendo protegido pelo Exército, a fim de evitar atentados contra o magistrado e sua família.

O evento também recebeu a presença de autoridades da Aeronáutica.

Dilma gastou R$ 17,8 milhões com cartão corporativo só em 2016. Por questão de segurança, PT nunca mais

D cc

De acordo com o Portal Transparência, o governo da Dilma ultrapassou a marca dos R$ 17,8 milhões em gastos com cartões corporativos nos primeiros cinco meses do ano. E, sozinho, o gabinete de Dilma torrou R$ 2,26 milhões. Você quer saber com o que ela gastou tanto dinheiro público? Lamentamos, você não tem esse direito, esses gastos são protegidos por “sigilo”. Quase tudo está “sob segredo de Estado”, conforme informação do jornalista Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Por regra, esses cartões só deveriam ser usados para custear despesas excepcionais ou de pequeno vulto. Mas, desde que foram criados, em agosto de 2001, os gastos foram exorbitantes. O maior deles se deu em 2010, último ano de mandado do ex-presidente Lula: 80 milhões de reais.

Ano passado, um dos auditores do TCU deu a seguinte declaração ao jornalista Felipe Moura Brasil:

“Sob o argumento de que por razões de segurança os gastos devem ser mantidos em sigilo vem se cometendo enormes absurdos. A sociedade precisa conhecer esses gastos. Essa falta de transparência atrapalha até mesmo o TCU, que não consegue checar se houve superfaturamento e [nem] sequer as justificativas para as despesas”.

Por razões de segurança, PT nunca mais.

A força-tarefa de Curitiba já prepara as denúncias que serão protocoladas contra Lula.

Lul

O juiz Sérgio Moro, responsável pela Operação Lava Jato, recolocou em movimento os processos que envolvem Lula. Em despacho assinado nesta sexta-feira, Moro determinou que sejam juntadas aos autos as interceptações telefônicas que captaram diálogos do ex-presidente. A força-tarefa de Curitiba já prepara as denúncias que serão protocoladas contra Lula.

O Brasil inteiro espera com ansiedade este desfecho.

Roubar de quem está endividado. Como Paulo Bernardo dorme à noite?

E e PB

Milhares de servidores bancaram propinas ao grupo de Paulo Bernardo, afirmou a Receita Federal. Os funcionários que tomaram empréstimo deveriam ter pago no máximo R$ 0,30, mensalmente, por um serviço de gerenciamento e controle feito pela empresa Consist Software Limitada, mas acabaram arcando com R$ 1,25, valor quatro vezes maior ao que deveria ser descontado em folha.

A fraude acabou chegando, durante os 5 anos de roubo, a mais de R$ 100 milhões distribuídos para agentes públicos, políticos e parceiros do esquema de forma ilegítima. Paulo Bernardo é suspeito de receber ao menos R$ 7 milhões em propinas sobre contratos da Consist, vinculados ao Ministério do Planejamento.

O superintendente-adjunto da Receita, Fábio Ejchel, enfatizou. “O que a gente pode afirmar é que são dezenas de milhares de funcionários públicos que durante esses anos foram lesados.”

Roubar de quem está tão mal das pernas a ponto de entrar em dívida é realmente ter um coração de pedra. Como será que ele dorme à noite?

Quantas curtidas merece esta foto?

foto pp

(FOTO: ROVENA ROSA/ABR)

O prédio onde fica a sede nacional do PT, no centro de São Paulo, foi alvo de ação de busca e apreensão por mais de seis horas na manhã de ontem, dia 24 de junho. Segundo o advogado da legenda, Luiz José Bueno de Aguiar, foram levados computadores e documentos contábeis.

O secretário de organização do PT, Florisvaldo Souza, admitiu que o partido vai sofrer um impacto político por causa da deflagração da operação Custo Brasil, desdobramento da Lava Jato. “Você tem um partido que governou esse País por 13 anos, que mudou a história deste País e está sendo criminalizado”, choramingou.

Parabéns, São Paulo. Prenderam o ministro da Dilma e mandaram recado para os inimigos do juiz Sérgio Moro

Screenshot_2016-06-23-21-21-25

O procurador da República Andrey Borges de Mendonça declarou que a Operação Custo Brasil, que prendeu o ex-ministro do Lula e da Dilma, Paulo Bernardo, é “uma resposta àqueles que celebraram com champanhe” a retirada dessa fatia da Lava Jato das mãos do juiz federal Sérgio Moro.

A República de Curitiba orgulhosamente parabeniza à Polícia Federal e toda equipe da Operação Custo Brasil, de São Paulo.

 

 

Moro, presidente?

Sergio-Moro

Painel, Folha de S. Paulo

Só a toga salva – Petistas tomaram um susto ao abrir uma pesquisa interna de intenção de voto para o Planalto. Realizada na cidade de SP entre o fim de maio e o início de junho, a sondagem mostra Sergio Moro no topo da lista de presidenciáveis, com 14%.

Eu, tu, eles – Marina Silva aparece na segunda posição (12%), seguida por Lula (11%), Geraldo Alckmin (10%) e José Serra (10%).

Até tu, Brutus – Michel Temer e Eduardo Cunha também pontuam, mas estão tecnicamente empatados, com 2% e 1%, respectivamente. O ex-ministro Ciro Gomes tem 4%, e Jair Bolsonaro, 3%.

 

 

“A corrupção é uma serial killer”, diz Dallagnol a deputados

deltan 1

“A corrupção mata. A corrupção é uma serial killer que se disfarça de buracos de estradas, em falta de medicamentos, crimes de rua e de pobreza. Estima-se que se desvia no Brasil, pela corrupção, R$ 200 bilhões. Esse valor poderia triplicar o investimento federal em saúde ou educação ou quintuplicar o que se investe em segurança pública. Nós poderíamos ter um país muito melhor.”

Essas foram as palavras contundentes do procurador da República Deltan Dallagnol, coordenador da força-tarefa do Ministério Público Federal que atua na Operação Lava Jato. Ele discursou nesta quarta-feira, 22 de junho, na Câmara do Deputados, em Brasília, ao discutir o Projeto de Lei (PL 4.850/16) que reúne as medidas contra a corrupção sugeridas pelo Ministério Público brasileiro.

As “10 Medidas Contra a Corrupção” reúnem 20 propostas de alterações legislativas que visam aprimorar a legislação brasileira de combate à corrupção. Busca-se, entre outros ajustes, a criminalização do enriquecimento ilícito; aumento das penas e crime hediondo para corrupção de altos valores; celeridade nas ações de improbidade administrativa; reforma no sistema de prescrição penal; responsabilização dos partidos políticos e criminalização do caixa 2. O pacote anticorrupção recolheu mais de 2 milhões de assinaturas.

%d blogueiros gostam disto: